Risco é estimar uma incerteza?

Risco é estimar uma incerteza?

RISCO: essa palavra aparece 75 vezes na NR 01 e será a base de todo o sistema de gestão de SST.

Com a publicação da “Nova” NR 01, começamos a discutir mais intensamente o Processo de Gerenciamento de Riscos. Porém, antes de entrar neste ponto, precisamos falar sobre o que é Risco. Assim, vou trazer algumas definições para ajudar no entendimento.

Risco é a incerteza envolvida na obtenção de um resultado ou um objetivo. A incerteza surge da possibilidade de se obter um resultado inesperado ou indesejado. Risco está relacionado à imprevisibilidade dos resultados desejáveis.

Ou seja, o risco não é necessariamente uma certeza, é algo que pode acontecer ou não e pode gerar um dano ou não.

Estamos pensando em uma probabilidade de acontecer e uma possível severidade.

Vamos pensar em um trabalhador executando uma atividade sobre um telhado de 3 metros de altura. Neste momento ele trabalha sem usar qualquer equipamento de segurança. Então temos uma probabilidade de queda. Podemos dizer que é algo possível ou quase certa a sua queda, porém não temos essa certeza.

Supondo então que ele sofra a queda. Qual será a severidade do dano?

Novamente estamos frente a uma incerteza, pois este trabalhador pode conseguir cair de pé e não sofrer qualquer lesão ou pode cair e quebrar um braço ou até mesmo pode cair, bater com a cabeça e vir a óbito no local.

Claro que se estivermos falando de um trabalho em grandes alturas a severidade começa a se tornar algo mais certo. Como uma queda de 30, 50 a 100 metros de altura. Porém, ainda temos a incerteza da queda.

Muitos fatores podem influenciar na incerteza, tais como: idade do trabalhador, tempo de exposição, medidas de controle existentes, experiência do trabalhador, problemas de saúde e outros.

Na NR01, temos como definição de risco:

Risco ocupacional: combinação da probabilidade de ocorrer lesão ou agravo à saúde causados por um evento perigoso, exposição a agente nocivo ou exigência da atividade de trabalho e da severidade dessa lesão ou agravo à saúde.

Vamos ver qual a definição de probabilidade pelo site Brasil Escola:

Probabilidade é o estudo sobre experimentos que, mesmo realizados em condições bastante parecidas, apresentam resultados que não são possíveis de prever. Por exemplo: o experimento, cara ou coroa, mesmo realizado repetidas vezes, não pode ser previsto, pois, cada vez que a moeda for lançada, o resultado poderá ser diferente.

A probabilidade associa números às chances de determinado resultado acontecer, de modo que, quanto maior esse número, maior a chance desse resultado ocorrer.

Vamos ver o que diz a ISO 31000:

Risco é o efeito da incerteza nos objetivos.

Um efeito é um desvio em relação ao esperado. Pode ser positivo, negativo ou ambos, e pode abordar, criar ou resultar em oportunidades e ameaças.

Ou seja, em todas as definições o risco está muito relacionado a uma incerteza. Assim, para fazer o processo de gerenciamento de riscos é preciso um estudo e entendimento detalhado dos riscos e também um processo de avaliação contínua.

Wesley Silva
Engº de Produção e de Segurança do Trabalho;
Especializado em Ergonomia e Direito Trabalhista e Previdenciário;
Diretor técnico da Innove Consultoria e Treinamentos;
Instrutor e palestrante em diversos cursos;
Consultor em Segurança do Trabalho, especialista em Gestão de SST;
Atuante no ramo de Mineração, Telecomunicações e Alimentício.
@inovetreinamento |innove.treinamentos@hotmail.com

Os artigos reproduzidos neste blog refletem única e exclusivamente a opinião e análise de seus autores. Não se trata de conteúdo produzido pela RSData, não representando, desta forma, a opinião legal da empresa.

Categoria

Últimas Postagens

Siga a RSData

Inscreva-se em nossa Newsletter: