O ALTRUÍSMO DO PROFISSIONAL EM SEGURANÇA E MEDICINA DO TRABALHO

De nada vale a tua “especialização” em Segurança e Medicina do Trabalho se ela não estiver à serviço do seu semelhante, suas necessidades e expectativas que devem ser atendidas.

Não é do saber, do domínio, da proficiência; é de quanto que ela pode ser útil e servir, gerando benefícios a todo o ambiente de negócios (ocupacional)!

Ao longo dos anos o enredo burocrático se agigantou, afastando a SST da realidade, das expectativas e necessidades de todas as partes envolvidas. Ao permitir se afastar de seus propósitos a SST perdeu utilidade e importância na sustentabilidade do ambiente de negócios. No emaranhado de papéis, ritos burocráticos e no academicismo exacerbado, deixou de ser percebida e entendida em sua real importância.

Nesta semana especial (celebração da PÁSCOA) urge algumas reflexões, ponderações e encaminhamentos pertinentes. É preciso reconstruir certas amarras, ressignificar as questões amargas, as “perdas” e fracassos, a inoperância, a ineficiência reconhecida da Segurança e Medicina do Trabalho. Transformá-las em aprendizagem como forma de contribuir para o sucesso pessoal e profissional de cada um de nós. Sensibilizar, estimular, convencer a todas as partes envolvidas, não sobre preços ou desvios de propósitos, mas sobre o verdadeiro significado e valor da VIDA e da SAÚDE de quem produz. A SST percebida, entendida e aceita como real necessidade para a sustentabilidade e prosperidade do ambiente de negócios. Acredite, de forma altruísta – dedicados aos nossos semelhantes ressurgiremos ressignificados, valorados. Será bom para todos nós!

Feliz Páscoa!!!

Os artigos reproduzidos neste blog refletem única e exclusivamente a opinião e análise de seus autores. Não se trata de conteúdo produzido pela RSData, não representando, desta forma, a opinião legal da empresa.

Categoria

Últimas Postagens

Siga a RSData

Inscreva-se em nossa Newsletter:

Pular para o conteúdo