Como minimizar os impactos do Coronavírus em sua empresa?

Vivemos um momento complexo para as empresas, especialmente para quem lida com a gestão de segurança e saúde no trabalho de seus colaboradores. O mundo está sob o impacto da pandemia do Novo Coronavírus (Covid-19), e diversas medidas estão sendo tomadas globalmente para evitar a disseminação da doença.

Infelizmente, o Covid-19 ainda não possui uma cura, e no Brasil os casos continuam aparecendo a cada dia. Portanto, neste momento, é essencial de todos tomar as ações necessárias para MINIMIZAR OS IMPACTOS nesta doença. Segundo destacam médicos da Universidade de Michigan, é momento de \”achatar a curva\” de propagação do Coronavírus. Ou seja, será necessário tomar medidas por um período mais prolongado de tempo, a fim de manter os impactos da doença baixos sobre a população.

A curva alta e fina é ruim, gerando um alto número de infectados ao mesmo tempo, mas que pode sobrecarregar hospitais e criar um caos ainda maior no dia a dia das pessoas. Achatar essa curva pode estender o período de ação do vírus, mas ele pode ser muito mais controlado, reduzindo o número de infectados e impactando menos o cotidiano de todos – incluindo a sua empresa

Confira o artigo da Universidade neste link.

Para mostrar os efeitos de como a prevenção pode diminuir a curva de propagação do Coronavírus, o jornal Washington Post publicou uma interessante matéria, utilizando gráficos animados para explicar. No vídeo abaixo, o primeiro gráfico mostra a velocidade e grau de contágio do vírus em uma população em que todas as pessoas não tomaram medidas de isolamento e prevenção. No segundo gráfico, é o cenário oposto, em que várias pessoas tomaram as precauções recomendadas.

Tremendamente gráfico lo que hizo @washingtonpost para entender por qué el aislamiento social ayuda a aplanar la curva de contagios pic.twitter.com/GMhSKKNuGL

— Gustavo Streger (@gstreger) March 16, 2020

Para as empresas, estabelecer políticas de prevenção contra o Covid-19 pode ter repercussões significativas no negócio, mas são essenciais para a saúde dos funcionários e da operação. Questões como trabalho remoto, procedimentos constantes de proteção em casos de trabalho presencial, e a educação de boas práticas para os colaboradores pode ser de suma importância.

Entidades como o SESI já divulgaram cartilhas informativas ajudando as empresas a tomarem seus planos de ação nas próximas semanas. Informe-se e veja como sua empresa pode se ajustar a este cenário.

Categoria

Últimas Postagens

Siga a RSData

Inscreva-se em nossa Newsletter: