Como fazer uma Gestão de SSO?

Segurança e Saúde Ocupacional – SSO são um conjunto de práticas, medidas preventivas e normas que as empresas e os empregados precisam adotar para deixar os ambientes de trabalho mais seguros, evitando acidentes e doenças relacionados às ocupações dos trabalhadores. Neste artigo falaremos sobre 5 processos que você precisa saber para fazer uma boa gestão de SSO.

Quais são as 5 coisas que você precisa de saber sobre SSO?

No post de hoje, separamos 5 coisas que você precisa saber sobre este tema para deixar seus ambientes de trabalho o mais seguros e salutares possível. Vamos a eles:

1- Em SSO, o primordial é a prevenção

Aquele velho ditado de que “prevenir é melhor que remediar” é muito válido aqui. As práticas, normas e aparatos para prevenção de acidentes e doenças relacionadas ao trabalho são fatores indispensáveis, já que, com eles, se evita as consequências indesejáveis que podem resultar no afastamento das funções laborais.

Seguir o que instruem as NRs, atender às legislações vigentes em SST, oferecer e utilizar EPI, tudo isso são recomendações imprescindíveis para a prevenção em SSO.

2 – Conhecer as NRs

São muitas as Normas Regulamentadoras vigentes no âmbito de SST. Disposições e procedimentos técnicos que se designam a setores e funções variados, trazendo indicações específicas para cada caso, a fim de regulamentar e evitar acidentes e doenças relacionadas ao ambiente ocupacional.

Você não precisa saber as NRs decor: basta entender quais se aplicam às funções e atividades de seus empregados e ter por perto material sobre elas, bem como profissionais que as conheçam e saibam como manter a empresa em conformidade com elas. Um sistema de gestão especializado em SST também é importante para te ajudar nessa tarefa.

E, é claro: busque sempre informação. Aqui no blog da RSData tem muito material sobre as NRs para você consultar.

3- Conheça a lei

O art. 19 da Lei nº 8.213/91 prevê que acidentes de trabalho são aqueles que decorrem do exercício do trabalho, estando a pessoa “a serviço da empresa” ou então aqueles que ocorrem “pelo exercício do trabalho dos segurados referidos no inciso VII do art. 11 desta lei, provocando lesão corporal ou perturbação funcional que cause a morte ou a perda ou redução, permanente ou temporária, da capacidade para o trabalho”.

Assim, pela legislação, acidentes e doenças do trabalho têm muito em comum, ou seja: as primeiras podem ser diretamente relacionadas aos segundos, e, para evitar ambos, prevenção é a palavra de ordem.

4- Mais segurança e saúde no ambiente ocupacional, mais produtividade

Sem dúvida, quem investe em SSO/SST garante mais produtividade e performance dos empregados, bem como os consequentes melhores resultados que isso traz para os negócios.

Isso porque funcionários que estão mais seguros têm uma melhor relação com a empresa, confiando e entregando mais. Além disso, quem está bem de saúde trabalha sempre melhor.

Já o indesejável contrário também é verdade: empregados que estão ou se sentem em risco produzem menos, por medo, receio ou impactos físicos e emocionais. Desta forma, perde o time e perde a empresa.

Qual das situações você prefere?

5 – Não investir em SSO/SST pode te trazer prejuízos!

Em 2021, mais de 373 mil processos foram movidos na Justiça Trabalhista brasileira por motivos de acidente ou adoecimento com alegadas causas ocupacionais. O montante das ações movidas somou nada menos do que R$ 118 bilhões.

Além disso, pesquisa do escritório de advocacia LG&P mostra que esse tipo de ação é o que tem a maior média de valor de causa, ficando em cerca de R$ 317 mil cada. E é bom saber que, conforme a FGV, em mais de 88% dos processos dessa linha os empregados saem vencedores, sendo muito raro o caso em que o empregador sai sem nenhuma condenação.

Ou seja: faltar com a gestão de SST pode sair muito caro ao caixa da sua empresa!

Para te ajudar a prevenir e gerir as questões ligadas a SSO/SST, a RSData oferece um software especializado, construído a partir da expertise de profissionais nativos do mercado de SST, com décadas de experiência neste mercado.

Nossas equipes estão à disposição para te auxiliar. Chame e comprove: https://www.rsdata.com.br/fale-conosco

Categoria

Últimas Postagens

Siga a RSData

Inscreva-se em nossa Newsletter:

Pular para o conteúdo