O descontruir do saber, padrões de Alto Nível para GRO

padroes-de-alto-nivel-gro

Desconstruindo o “saber”, padrões de Alto Nível para a Gestão e o Gerenciamento de Riscos Ocupacionais.

Pela primeira vez, o mundo dispõe de padrões com alto nível para a Gestão e o Gerenciamento de Riscos Ocupacionais. Os Requisitos técnicos oferecidos pela ISO 45 001 estabelecem em primeira mão a necessidade de “desconstruir o saber”, para nos reconstruirmos em outra dimensão. Vivemos e aprendemos a lidar com normas, padrões e requisitos voltados para a “Certificação” e baseados em “Perigo”. Agora chega a era da Gestão!

A RECONSTRUÇÃO do saber passa necessariamente por dois princípios básicos do novo regulamento e espelho da nova legislação Brasileira. Primeiro é preciso reaprender a pensar sob a ótica do gestor, ou seja: ENTENDER AS NECESSIDADES E EXPECTATIVAS DE TODAS AS PARTES ENVOLVIDAS (Investidores, Trabalhadores, Governo e a Sociedade). Segundo pensar, organizar e empreender esforços para ATENDER AS NECESSIDADES E EXPECTATIVAS DE TODAS AS PARTES ENVOLVIDAS (Investidores, Trabalhadores, Governo e a Sociedade).

Apossar-se do sentido do que lemos e ouvimos (informações de qualidade), entender, escutar mais que ouvir, enxergar mais do que apenas ver, a fim de garantir um posicionamento assertivo e de acordo com os requisitos e padrões de alto nível na gestão e gerenciamento de riscos ocupacionais. O gerenciamento exige acompanhamento de indicadores e metas, análise de desempenho e melhoria contínua de forma permanente e continuada.

Prestar atenção, reparar que os padrões e exigências são outros, que o documento de gaveta (PPRA) após 26 anos deixa de existir por fracassado, devido a práticas equivocadas e que não entregaram os benefícios esperados. A Reconstrução deve considerar, levar em conta os padrões de alto nível, de excelência para a GESTÃO e o GERENCIAMENTO de Riscos ocupacionais dentro de um novo cenário e “novos conceitos”.

Modelos complexos, pesados, teóricos e academicistas por demais, distantes da realidade prática tonou-se inexequível para as necessidades e expectativas. Temos agora a oportunidade gerada pela ISO 45 001 onde modelos facilitadores, simples, desburocratizados e exequíveis (padrões de alto nível para a Gestão e Gerenciamento) no campo prático certamente poderá, se não desvirtuado por interesses outros, apresentar definitivamente a evolução tão desejada pelas partes interessadas – simples e exequível por todos.

A complexidade da legislação Brasileira ainda faz com que a maioria das organizações, especialmente profissionais graduados em SSO, cometam equívocos quanto ao entendimento, interpretação e aplicação dos diferentes objetivos, critérios e metodologias no campo da SSO o ESOCIAL. Este ônus é outro grande desafio a ser enfrentado. Anova legislação será implacável com os tributos e responsabilização por equívocos no envio da mensageria. Justiça social é isso. Todos serão responsáveis por aquilo que praticam; ou deixam de atender. Agora as Organizações e seus respectivos profissionais deverão prestar contas ao Governo e partes interessadas por até 20 (Vinte) anos após o desligamento do empregado.

Por fim, neste novo tempo, somente um bom software para a Gestão e o Gerenciamento de qualidade, com confiabilidade – feito por profissionais de SSO para profissionais de SSO, que entenda e atenda as os requisitos legais e regulamentares das diferentes legislações e critérios poderá fazer a transição e este enfrentamento com segurança e resultados garantidores da obrigação legal com simplicidade e resultados de melhoria contínua.

O novo profissional de SSO torna-se um avançado “GESTOR”. Entender para atender necessidades e expectativas de todas as partes envolvidas (Investidor, Trabalhador, Governo e Sociedade).

\"RSData

*Os artigos reproduzidos neste blog refletem única e exclusivamente a opinião e análise de seus autores. Não se trata de conteúdo produzido pela RSData, não representando, desta forma, a opinião legal da empresa.

 

Gostou?
Ficou com alguma dúvida?
Deixe seu comentário!

Categoria

Últimas Postagens

Siga a RSData

Inscreva-se em nossa Newsletter: